Acne vulgaris

Acne vulgaris
Classificação Internacional (CID) L70.9

Noções básicas

Com o início da puberdade, muitos adolescentes começam a ter problemas com a pele. A acne muitas vezes odiada faz com que um ou outro passe uma eternidade no banheiro. Peelings, loções de lavagem, espinhas e cremes especiais para a pele são utilizados numa tentativa de controlar a doença de pele.

Na medicina, a acne vulgaris é uma doença de pele do folículo piloso desencadeada por várias causas. Como resultado, o conteúdo do folículo é retido e pode ficar inflamado, causando a formação das pústulas típicas. Afeta principalmente adolescentes na puberdade. A doença geralmente cura em poucos anos, mas em algumas pessoas ela persiste até os 30 anos de idade.

Por ser uma doença das glândulas sebáceas, a acne vulgar ocorre principalmente em áreas da pele que possuem muitas glândulas sebáceas. Estes não estão apenas no rosto, mas também no pescoço, peito e costas.

O termo "acne" é na verdade um termo coletivo para todas as doenças das glândulas sebáceas e dos folículos pilosos que são acompanhadas pela formação de nódulos. O que normalmente se entende por acne é acne vulgaris, também chamada acne simplex.

Causas

As causas da acne são muito complexas e multicamadas. Vários critérios devem coincidir para que a doença cutânea se desenvolva. Alguns desses fatores são discutidos abaixo.

Fatores Hormonais

A ocorrência exclusiva de acne vulgaris durante a puberdade até a terceira década de vida pode ser explicada pelo facto de as hormonas desempenharem um papel extremamente importante. São principalmente as alterações hormonais que ocorrem durante a puberdade que desencadeiam a acne. As hormonas sexuais masculinas, os andrógenos, desempenham um papel predominante, razão pela qual os rapazes são normalmente mais afectados pela acne do que as raparigas.

Fatores genéticos

Para além das hormonas, que são semelhantes em todos os adolescentes, a predisposição genética também desempenha um papel importante. Embora não seja verdade que a disposição para a acne vulgaris seja transmitida diretamente dos pais para os filhos, pode-se observar uma acumulação familiar. Isto indica que a tendência para a acne é herdada através de um mecanismo complexo.

Desordem de queratinização folicular

Para que a acne vulgar se desenvolva, também se deve sofrer de um distúrbio de queratinização folicular. Isto faz com que os poros dos folículos capilares fiquem obstruídos, o que pode causar a inflamação do material interno.

Alargamento das glândulas sebáceas

Além disso, as glândulas sebáceas também devem ser aumentadas e assim produzir mais sebo.

Colonização bacteriana

Toda inflamação também precisa de um patógeno. No caso da acne vulgaris, são as bactérias que vivem na nossa pele. Isto pode parecer repulsivo à primeira vista, mas precisamos dos microrganismos que colonizam a nossa pele para nos mantermos saudáveis. A maioria destas bactérias são completamente inofensivas para nós, pelo menos enquanto permanecerem sobre a pele. No entanto, algumas delas produzem substâncias que fazem com que as glândulas sebáceas se inflamem mais facilmente. Estes favorecem o desenvolvimento da acne vulgaris.

Inflamação e reação imune

Por último, mas não menos importante, a forma como o corpo reage a estímulos inflamatórios também desempenha um papel importante. A acne vulgar é muito mais pronunciada quando o sistema imunitário tende a reagir em excesso. Depois as inflamações desenvolvem-se muito mais facilmente, que depois se tornam visíveis na pele sob a forma de pústulas cheias de pus.

Sintomas

Devido à grande prevalência de acne vulgar na nossa população, é provavelmente óbvio para todos à primeira vista se alguém está a sofrer da doença. No entanto, para poder realizar um tratamento eficaz, é necessário verificar exactamente se é realmente acne vulgaris ou uma das outras formas.

Formação de pontos negros

Na acne vulgaris, a retenção ocorre nas aberturas dos folículos sebáceos. Na medicina, retenção significa vários mecanismos que causam retenção de fluidos, tecidos ou outras substâncias em algum lugar. Na acne vulgaris, existe uma oclusão dos folículos da glândula sebácea, que ocorre principalmente na face, peito, costas e pescoço.

Estas oclusões dos folículos sebáceos tornam-se então visíveis como manchas negras ou esbranquiçadas. Os folículos pretos descoloridos são aqueles que ainda estão abertos, os esbranquiçados estão completamente fechados.

Áreas de pele particularmente afectadas

Como já foi mencionado, a acne vulgaris geralmente ocorre tanto no rosto como no pescoço, costas e peito. No entanto, há regiões do rosto que são particularmente afectadas pelos pontos negros. Estes incluem a testa, as pregas nasolabiais, o nariz e a região ao redor da boca.

Claro que é particularmente desagradável que a acne vulgaris muito raramente ocorra isoladamente. Normalmente, várias áreas da pele são afectadas pelas inflamações dolorosas e cosmeticamente desfavoráveis.

Pústulas e pápulas inflamatórias

Além dos pontos negros, a acne vulgaris é caracterizada por pústulas e pápulas. As pústulas são bolhas que ficam directamente debaixo da pele e estão cheias de pus. Estes também são conhecidos como pústulas ou caprichos. Os pápulas são nódulos sob a pele que podem ser até ao tamanho de uma ervilha. Se as pápulas estão inflamadas, geralmente mostram uma descoloração avermelhada e são sensíveis à dor. Com o tempo, eles se desenvolvem em pústulas.

Outra característica que define a acne vulgaris é que todos os sintomas da pele ocorrem ao mesmo tempo. Assim, encontram-se cravos abertos e fechados, assim como pápulas e pústulas em diferentes estágios de cura.

Provocação de sintomas

Há vários factores que podem fazer com que a acne piore. Estes incluem trabalhar num ambiente húmido, assim como o contacto da pele com gorduras, óleos e água clorada. Nas mulheres, a acne pode piorar durante a menstruação porque a pele segrega mais sebo durante este tempo.

Como todo adolescente deve ouvir frequentemente, apertar as borbulhas também agrava a pele. Isto encoraja a inflamação, o que piora a acne em geral.

Por último, mas não menos importante, os medicamentos e os químicos desempenham um grande papel no agravamento da acne. Por isso, deve sempre mencionar que sofre de acne grave quando vai ao médico para tratamento a longo prazo.

Diagnóstico

O diagnóstico de acne vulgaris é feito através da avaliação dos sintomas descritos. Outros testes e exames não são necessários, na maioria dos casos é mesmo um simples diagnóstico oftalmológico.

Curso de acne vulgaris

O curso da acne normalmente não pode ser previsto. Enquanto algumas pessoas se curam em poucos meses, outras são afetadas por muitos anos.

A inflamação também pode levar à formação de cicatrizes, que normalmente permanecem visíveis para o resto da vida do paciente. Deve-se notar que o tipo de cicatrização pode variar muito de pessoa para pessoa.

Carga psicológica

No entanto, o diagnóstico por um especialista é de grande importância. Só então pode ser considerada uma terapia que tenha uma influência positiva sobre a aparência da pele. E isto não é apenas de grande importância no que diz respeito à prevenção de cicatrizes. Para muitos jovens, ser afectado por acne vulgaris grave é também uma pesada carga psicológica. Isto pode levar não só a uma diminuição da auto-estima, mas acima de tudo a uma retirada social.

Terapia

A terapia da acne deve ser sempre adaptada à gravidade individual e à velocidade com que a doença se desenvolve. É mais eficaz quando várias abordagens terapêuticas são combinadas umas com as outras.

A terapia deve ser considerada especialmente se alguém sofrer de espinhas grandes e altamente inflamadas ou se se desenvolverem cicatrizes de acne. Uma visita ao médico também é indicada se aparecerem manchas escuras após as pústulas terem sarado, ou se as mudanças na pele causarem muito stress psicológico.

Tratamento local da acne

Para o tratamento da acne são utilizados principalmente sabões e loções, que devem evitar a formação de pontos negros ou alterar a colonização bacteriana da pele. Para tal, a pele tem normalmente de ser limpa duas vezes por dia com os produtos médicos.

Os chamados retinóides tópicos são utilizados principalmente. Estes impedem principalmente a formação de pontos negros, o que também impede a inflamação. Uma pequena desvantagem dos retinóides é que muitas vezes pioram a pele quando o tratamento começa, já que há um breve surto de acne vulgaris. No entanto, isto normalmente subsidia dentro de algumas semanas.

Em alternativa, o peróxido de benzoíla pode ser usado como suspensão de lavagem ou gel. É altamente eficaz, pode ser combinado bem com outros remédios e não é resistente.

Os antibióticos também podem ser aplicados topicamente, ou seja, diretamente sobre a pele, especialmente em casos de formação frequente de pápulas. Especialmente clindamicina e eritromicina são frequentemente utilizadas.

Por último, mas não menos importante, o ácido azelaico também é usado para prevenir pontos negros e inflamação. No entanto, isto não tem praticamente nenhum efeito positivo no aumento do fluxo sebáceo, e é por isso que definitivamente deve ser combinado com outras preparações.

Tratamento sistêmico

Se a aplicação das substâncias descritas acima na pele não tiver o efeito desejado, também pode ser realizada uma terapia sistêmica. Neste caso, o princípio ativo não é distribuído apenas na região afetada, mas em todo o corpo através da corrente sanguínea.

A aplicação sistêmica de antibióticos tem se mostrado particularmente eficaz. As tetraciclinas são usadas principalmente para isso. Após dois a três meses, deve haver uma clara melhoria na aparência da pele. Então a dose pode ser reduzida, mas a preparação não deve ser descontinuada prematuramente.

Especialmente as mulheres com acne grave beneficiam da administração de estrogénios, que impedem a produção de sebo. Estes são geralmente combinados com antiandrógenos, ou seja, substâncias que impedem o efeito promotor dos andrógenos na acne. No entanto, a aplicação deve definitivamente ser feita em consulta com um ginecologista, a fim de evitar efeitos negativos sobre o ciclo menstrual.

Os retinóides mencionados acima também podem ser dados de forma sistemática, o que rapidamente leva a uma melhoria significativa na aparência. No entanto, estes não devem ser combinados com as tetraciclinas.

Comportamento de apoio

Além do tratamento medicinal da acne, ainda existem algumas formas de prevenir o desenvolvimento de pústulas e pápulas ou de acelerar a sua cura.

Acima de tudo, uma sanita apropriada para a acne pode ser muito útil. Isto pode ser feito usando cascas medicamentosas ou outras loções uma ou duas vezes por semana. O uso de produtos de cuidado da pele com ácidos de frutas, ácido salicílico ou ácido láctico também pode melhorar a aparência da pele. Deve-se notar, no entanto, que sua excessiva higiene facial geralmente leva a um agravamento dos sintomas.

Uma melhoria também pode ser conseguida através da lavagem frequente do cabelo. Além disso, deve-se garantir que o cabelo não fique pendurado no rosto. Isto pode irritar a pele e especialmente espalhar o sebo do cabelo no rosto, o que depois leva ao entupimento dos poros novamente.

A remoção dos pontos negros não deve ser feita por você mesmo, mas de preferência por uma esteticista treinada. Caso contrário, a acne só vai piorar.

Para os principais cuidados com a pele, devem ser utilizados produtos à base de água. Produtos oleosos ou gordurosos apenas levam a um aumento do entupimento dos folículos sebáceos e, portanto, a um agravamento dos sintomas.

A influência da dieta ainda não foi claramente comprovada, mas muitas pessoas descobrem que a cafeína, o chocolate, o álcool, a nicotina ou a carne de porco exacerbam os sintomas.

Tratamento de cicatrizes de acne

O tratamento precoce e agressivo da acne vulgaris é especialmente importante porque as cicatrizes de acne existentes dificilmente podem ser tratadas. Embora existam vários métodos para melhorá-los, eles são apenas moderadamente bem sucedidos em geral.

No entanto, vale a pena tentar um ou outro tratamento contra as cicatrizes de acne, pois é possível que a própria cicatriz possa ser reduzida significativamente. Os métodos mais eficazes para o tratamento de cicatrizes de acne são a laserterapia, dermoabrasão, crioterapia e injeções de colágeno.

Previsão

Graças às novas abordagens terapêuticas, o prognóstico para a acne vulgaris é muito bom hoje em dia. Especialmente em casos graves, também faz sentido utilizar uma terapia medicamentosa que melhore a aparência da pele de forma rápida e eficaz. Ao combinar várias substâncias activas com uma higiene sensata da acne, a aparência da pele pode ser significativamente melhorada num curto espaço de tempo. E isto também tem um efeito positivo na aparência e autoconfiança do adolescente.

A fim de otimizar ainda mais o prognóstico, é importante que a terapia seja iniciada cedo e não seja interrompida prematuramente. Caso contrário, uma recaída ocorrerá rapidamente e a acne vulgaris fará um novo ataque.

Anúncio

Anúncio

O seu assistente pessoal de medicamentos

Medicamentos

Pesquise aqui a nossa extensa base de dados de medicamentos de A-Z, com efeitos e ingredientes.

Substâncias

Todas as substâncias activas com a sua aplicação, composição química e medicamentos em que estão contidas.

Doenças

Causas, sintomas e opções de tratamento para doenças e lesões comuns.

O conteúdo apresentado não substitui a bula original do medicamento, especialmente no que diz respeito à dosagem e efeito dos produtos individuais. Não podemos assumir qualquer responsabilidade pela exactidão dos dados, uma vez que os dados foram parcialmente convertidos automaticamente. Um médico deve ser sempre consultado para diagnósticos e outras questões de saúde. Mais informações sobre este tópico podem ser encontradas aqui.

This website is certified by Health On the Net Foundation. Click to verify.