Magnoral

Código ATC
A12CC01
Magnoral

Laboratório Medinfar - Produtos Farmacêuticos

Medicamentos padrão Humano
Substância(s)
Cloreto de magnésio
Narcótica
Não
Data de aprovação 15.05.1985
Grupo farmacológico Outros suplementos minerais

Anúncio

Tudo para saber

Titular da autorização

Laboratório Medinfar - Produtos Farmacêuticos

O que é e como se utiliza?

Magnoral contém a substância ativa magnésio e pertence ao grupo dos medicamentos utilizados em nutrição (vitaminas e sais minerais).

Este medicamento deve ser tomado para prevenção e alívio de queixas sugestivas de falta de magnésio, tais como fraqueza, fadiga, irritabilidade, náuseas, cãibras e

parestesias (formigueiros)

Se não se sentir melhor ou se piorar ao fim de 30 dias, tem de consultar um médico.

Anúncio

O que se deve tomar em consideração antes de utilizá-lo?

Não tome Magnoral:

  • se tem alergia (hipersensibilidade) à substância ativa ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6);
  • se tem insuficiência renal grave com valores de depuração da creatinina inferiores

a 30 ml/min;

- se tem hipermagnesemia (níveis de magnésio no sangue aumentados).

Advertências e precauções

Fale com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar Magnoral.

Magnoral não deve ser tomado por doentes com insuficiência renal grave, porque pode causar aumento dos níveis de magnésio, com eventual toxicidade.

Outros medicamentos e Magnoral

Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar, tiver tomado recentemente, ou se vier a tomar outros medicamentos.

Para evitar a diminuição da absorção de bifosfonatos, antibióticos (aminoglicosidos, tetraciclinas, quinolonas e azitromicina) e preparações à base de fosfatos ou ferro,

Magnoral deve ser administrado com pelo menos 3 a 4 horas de intervalo em relação à administração destes medicamentos.

A administração concomitante de sais de magnésio e sucralfato pode reduzir a sua

efetividade na úlcera, pelo que a toma entre os dois medicamentos deve ser espaçada de 30 minutos.

Magnoral com alimentos e bebidas

Pode tomar Magnoral com alimentos e bebidas. Ver secção 3.

Gravidez e amamentação

Se está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar este medicamento.

Estudos de administração de magnésio em mulheres grávidas não revelam quaisquer riscos para a gravidez ou para o feto/recém-nascido.

O magnésio passa para o leite materno. No entanto, a administração oral de magnésio na mulher a amamentar é segura para o lactente.

Magnoral pode ser utilizado durante a gravidez e a amamentação, de acordo com indicação médica.

Condução de veículos e utilização de máquinas

Os efeitos de Magnoral sobre a capacidade de conduzir e utilizar máquinas são nulos ou desprezáveis.

Magnoral contém etanol

Este medicamento contém 2,4% (v/v) de etanol (álcool) ou seja, até 192 mg por dose (1 ampola), equivalente a cerca de 5 ml de cerveja ou aproximadamente 2 ml

de vinho. Por tal facto, deve ser dada especial atenção aos efeitos prejudiciais em

indivíduos que sofrem de alcoolismo. Este teor em álcool deverá também ser tido em consideração quando utilizado em mulheres grávidas ou a amamentar, crianças e

grupos de alto risco tais como doentes com problemas de fígado ou epilepsia.

Magnoral contém sorbitol (E420)

Este medicamento contém sorbitol (E420). Se foi informado pelo seu médico que

tem intolerância a alguns açúcares, contacte-o antes de tomar este medicamento. Pode ter efeito laxante moderado. O valor calórico do sorbitol é de 2,6 kcal/g.

Magnoral contém para-hidroxibenzoato de propilo sódico (E217) e para- hidroxibenzoato de metilo sódico (E219)

Este medicamento contém para-hidroxibenzoato de propilo sódico (E217) e para-

-hidroxibenzoato de metilo sódico (E219) que podem causar reações alérgicas (possivelmente retardadas).

Magnoral contém vermelho de ponceau 4R (E124)

Este medicamento contém o corante vermelho de ponceau 4R (E124) que pode causar reações alérgicas.

Como é utilizado?

Tome este medicamento exatamente como está descrito neste folheto, ou de acordo com as indicações do seu médico ou farmacêutico. Fale com o seu médico ou

farmacêutico se tiver dúvidas.

A dose recomendada é:

Adultos: 2 a 3 ampolas por dia, às refeições.

Uma dose diária de 3 ampolas de Magnoral corresponde a 98 % da dose diária recomendada de magnésio.

População pediátrica: Magnoral pode ser utilizado na população pediátrica, de acordo com indicação médica.

Doentes com insuficiência renal: Não tome Magnoral se tem insuficiência renal grave (depuração da creatinina inferior a 30 ml/min). Por precaução, se tem insuficiência

renal ligeira a moderada (depuração da creatinina entre 30 ml/min e 89 ml/min), a dose administrada deve ser inferior à normalmente recomendada. Nestes casos,

recomenda-se a administração de 1 ampola por dia e eventual monitorização dos níveis de magnésio no sangue.

Modo de administração

Este medicamento destina-se apenas para uso oral.

Magnoral deverá ser tomado às refeições, diretamente ou após diluição do conteúdo de uma ampola num pouco de líquido (água, chá ou sumo de fruta). As ampolas são de plástico, com abertura fácil, abrindo pelo vinco.

Magnoral deve ser tomado diariamente por um período de pelo menos 1 mês.

Se tomar mais Magnoral do que deveria

Em doentes com função renal normal, não são esperados efeitos tóxicos com a administração oral de magnésio. Até à data não foram relatados quaisquer casos de sobredosagem com Magnoral.

Caso se tenha esquecido de tomar Magnoral

Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

Quais são os possíveis efeitos secundários?

Como todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários, embora estes não se manifestem em todas as pessoas.

Não são conhecidos efeitos indesejáveis provocados pelo uso de Magnoral. Poderão ocorrer eventualmente ligeiras perturbações digestivas (fezes moles ou diarreia).

Comunicação de efeitos secundários

Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Também poderá

comunicar efeitos secundários diretamente ao INFARMED, I.F., através dos contactos abaixo. Ao comunicar efeitos secundários, estará a ajudar a fornecer mais

informações sobre a segurança deste medicamento.

INFARMED, I.F.

Direção de Gestão do Risco de Medicamentos Parque da Saúde de Lisboa, Av. Brasil 53 1749-004 Lisboa

Tel: +351 21 798 73 73

Linha do Medicamento: 800222444 (gratuita) Fax: +351 21 798 73 97

Sítio da internet: http://extranet.infarmed.pt/page.seram.frontoffice.seramhomepage

E-mail: farmacovigilancia@infarmed.pt

Como deve ser guardado?

Conservar a temperatura inferior a 25ºC.

Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.

Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso na embalagem exterior, após “VAL”. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês

indicado.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico.

Pergunte ao seu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.

Mais informações

Qual a composição de Magnoral

- A substância ativa é o cloreto de magnésio hexahidratado. Cada ampola contém

1028,4 mg de cloreto de magnésio hexahidratado (equivalente a 123,0 mg de magnésio).

- Os outros componentes são: sacarina sódica, para-hidroxibenzoato de metilo

sódico (E219), para-hidroxibenzoato de propilo sódico (E217), vermelho de ponceau 4R (E124), ácido cítrico mono-hidratado, aroma de morango, etanol 96%,

neohesperidina, sorbitol (solução 70%) (E420) e água purificada. Qual o aspeto de Magnoral e conteúdo da embalagem

Magnoral é um líquido límpido de cor vermelha.

Magnoral está disponível em embalagens de 20 ampolas contendo 10 ml de solução oral.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

Titular da Autorização de Introdução no Mercado

Laboratório Medinfar – Produtos Farmacêuticos, S.A.

Rua Manuel Ribeiro de Pavia, 1 - 1º

Venda Nova, 2700-547 Amadora

Portugal

Fabricante

Laboratório Medinfar – Produtos Farmacêuticos, S.A.

Rua Henrique Paiva Couceiro, 29 – Venda Nova

2700-451 Amadora

Portugal

Farmalabor – Produtos Farmacêuticos, S.A. Zona Industrial de Condeixa-a-Nova

3150-194 Condeixa-a-Nova Portugal

Este folheto foi revisto pela última vez em

Última actualização: 20.06.2022

Fonte: Magnoral - Inserção da embalagem

O seu assistente pessoal de medicamentos

Medicamentos

Pesquise aqui a nossa extensa base de dados de medicamentos de A-Z, com efeitos e ingredientes.

Substâncias

Todas as substâncias activas com a sua aplicação, composição química e medicamentos em que estão contidas.

Doenças

Causas, sintomas e opções de tratamento para doenças e lesões comuns.

O conteúdo apresentado não substitui a bula original do medicamento, especialmente no que diz respeito à dosagem e efeito dos produtos individuais. Não podemos assumir qualquer responsabilidade pela exactidão dos dados, uma vez que os dados foram parcialmente convertidos automaticamente. Um médico deve ser sempre consultado para diagnósticos e outras questões de saúde. Mais informações sobre este tópico podem ser encontradas aqui.

This website is certified by Health On the Net Foundation. Click to verify.