Código ATC: R06AE06

Tinset

Tinset
Substância(s) Oxatomida
Admissão Portugal
Produtor Janssen-Cilag Farmacêutica, Lda.
Narcótica Não
Grupo farmacológico Anti-histamínicos para uso sistémico

Titular da autorização

Janssen-Cilag Farmacêutica, Lda.

Folheto

O que é e como se utiliza?

TINSET é utilizado no tratamento das alergias. A sua substância activa é a oxatomida e apresenta-se na forma de comprimidos e suspensão oral.
TINSET pode ser usado para tratar ou ajudar a prevenir os distúrbios alérgicos, tais como corrimento nasal e espirros, olhos lacrimosos e com comichão, pálpebras inchadas, certas formas de asma, erupções da pele com comichão, certas formas de eczema e alergia aos alimentos.

O que se deve tomar em consideração antes de utilizá-lo?

Não tome TINSET

  • se tem alergia (hipersensibilidade) à oxatomida ou a qualquer outro componente deTinset.

Tome especial cuidado com TINSET

  • Para crianças com menos de 6 anos, a quantidade de medicamento deverá sercautelosamente medida, pois as crianças reagem mais facilmente a doses excessivas do que os adultos.
  • Se começou a tomar TINSET para a asma não deverá interromper bruscamente osoutros medicamentos da asma, sem consultar primeiro o seu médico.
  • Se tem ou pensa que tem perturbações do fígado, informe o seu médico. Pode ocorrer urina de cor castanho-escuro, fezes claras, pele ou olhos amarelados. Nestes casos, deverá interromper o tratamento com TINSET e consultar imediatamente o seu médico, que poderá decidir realizar uma análise ao fígado.
  • Alterações motoras menores, como tremores, ligeira rigidez muscular, espasmos musculares ou sensação de pernas cansadas, podem ocorrer. Se sentir alguns destes sintomas, fale com o seu médico.
  • TINSET pode interferir com os testes de alergia cutânea. Pare de tomar TINSET pelo menos três dias antes do teste cutâneo. Pode retomar a sua dose normal após o teste estar completo.

Tomar TINSET com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica. TINSET potencia a acção do álcool e dos medicamentos, que por sua vez diminuem a capacidade de reacção (por exemplo, tranquilizantes, indutores do sono e analgésicos potentes). Assim, não deverá consumir álcool e deverá informar o seu médico se está a tomar outros medicamentos.

Gravidez e aleitamento
Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento. Se estiver grávida ou suspeitar de gravidez, deverá informar o seu médico, o qual decidirá se pode ou não tomar TINSET.
Se está a amamentar, deverá consultar o seu médico, uma vez que pequenas quantidades de TINSET podem passar para o leite.

Condução de veículos e utilização de máquinas
No caso de se sentir cansado, com tonturas ou sonolento, aconselha-se a não funcionar com máquinas e a não conduzir. Isto é especialmente importante no início do tratamento.

Informações importantes sobre alguns componentes de TINSET
TINSET comprimidos contém lactose e TINSET suspensão oral contém sorbitol. Se foi informado pelo seu médico que tem intolerância a alguns açúcares, contacte-o antes de tomar este medicamento.
TINSET suspensão oral contém parabenos. Pode causar reacções alérgicas (possivelmente retardadas).

Como é utilizado?

Tomar TINSET sempre de acordo com as indicações do médico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.
TINSET apresenta-se sob a forma de comprimidos e de suspensão oral, ambas para serem tomadas pela boca. Os comprimidos não se recomendam a crianças com menos de 15 kg; nesses casos deve ser usada a suspensão oral.

TINSET deve ser tomado duas vezes ao dia, após o pequeno-almoço e após o jantar. Os comprimidos devem ser ingeridos com ajuda de um líquido. Normalmente são administradas as seguintes quantidades, mas se necessário, o seu médico poderá aumentar a dose:

  • Adultos e crianças com 35 kg ou mais: um comprimido após o pequeno-almoço e um comprimido após o jantar.
  • Crianças com peso entre 15 e 35 kg: meio comprimido após o pequeno-almoço e meio comprimido após o jantar ou 0,2 ml de suspensão oral por kg de peso corporal após o pequeno-almoço e após o jantar.
  • Crianças com menos de 15 kg: 0,2 ml de suspensão oral por kg de peso corporal após
  • pequeno-almoço e após o jantar. A embalagem de suspensão oral contém uma pipeta, na qual está marcado o peso, em quilogramas. Ao encher a pipeta até à marca correspondente ao peso da criança mede a quantidade exacta da suspensão, sem ter de efectuar quaisquer cálculos. Instruções para abrir o frasco e usar a pipeta Agite bem o frasco antes de usar. Fig. 1Fig.1- O frasco traz uma tampa de segurança infantil 1e deve abrir-se do seguinte modo: -Empurrar a tampa plástica de rosca, para baixo, enquanto se roda no sentido contrário dos ponteiros 2do relógio. -Retire a tampa. Fig.2- Insira a pipeta no frasco. Fig. 2Fig.3 0Enquanto segura o anel inferior, puxe o anel superior 0.51 mg 1.50 2
    0.5 2.5até a marca corresponder ao peso, em quilogramas, da mg 1 3 1.5 2
    2.5sua criança. 3Fig.3 - Depois, retire a pipeta do frasco, com a ajuda do anel inferior. Deite o conteúdo da pipeta, na água para beber. Feche
  • frasco.Lave a pipeta com água.

Se tomar mais TINSET do que deveria
No caso de ter ingerido TINSET em quantidades elevadas, consulte imediatamente o seu médico. Os sinais possíveis de sobredosagem incluem: sonolência, movimentos incontrolados, pescoço torcido, agitação, pulsações lentas ou aceleradas, movimentos oculares irregulares ou pupilas dilatadas. Estes sinais geralmente não têm consequências, contudo deverá consultar o seu médico. Casos muito raros de coma, perda de consciência e prolongamento do intervalo QT têm sido reportados após sobredosagem.
Contra a sobredosagem pode sempre tomar carvão activado, que adsorve o medicamento que se encontra ainda no estômago.
Informação para o médico, em caso de sobredosagem
Não há antídoto específico para a sobredosagem. O tratamento consiste na observação atenta dos sinais vitais e em medidas de suporte. No prazo de uma hora após a ingestão,

pode ser feita uma lavagem gástrica. Deve ser realizado um electrocardiograma para avaliação do intervalo QT. Pode ser administrado carvão activado se for considerado apropriado. Sintomas extrapiramidais têm sido tratados com sucesso, com agentes anticolinérgicos.

Caso se tenha esquecido de tomar TINSET
Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose de TINSET que se esqueceu de tomar.
No caso de omissão de uma ou mais doses não se preocupe. Tome a dose seguinte e continue o tratamento. No entanto, em caso de agravamento deve tomar o medicamento de imediato e continue de acordo com o esquema posológico.
Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

Quais são os possíveis efeitos secundários?

Como todos os medicamentos, TINSET pode causar efeitos secundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas.
Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico. Os efeitos secundários que podem surgir classificam-se quanto à sua frequência (probabilidade de ocorrência) em:
Efeitos secundários muito frequentes: podem ocorrer em mais do que 1 em cada 10 doentes.
Efeitos secundários frequentes: podem ocorrer em menos do que 1 em cada 10, mas mais do que 1 em cada 100 doentes.
Efeitos secundários pouco frequentes: podem ocorrer em menos do que 1 em cada 100, mas mais do que 1 em cada 1000 doentes.
Efeitos secundários raros: podem ocorrer em menos do que 1 em cada 1000, mas mais do que 1 em cada 10000 doentes.
Efeitos secundários muito raros: podem ocorrer em menos do que 1 em cada 10000 doentes.
Foram descritos os seguintes efeitos secundários:
Doenças do sangue e do sistema linfático: surgiram muito raramente valores baixos do número de plaquetas sanguíneas, valores baixos do número de glóbulos brancos, agranulocitose (número baixo de um tipo específico de glóbulos brancos), e valores baixos do número de glóbulos vermelhos.
Afecções musculosqueléticas e dos tecidos conjuntivos: muito raramente, poderão ocorrer espasmos musculares, fraqueza muscular, dor nos músculos, torcicolo ou trismo (constrição intensa das maxilas). Se tal acontecer deverá contactar imediatamente o seu médico.
Doenças do sistema imunitário e afecções dos tecidos cutâneos e subcutâneas: podem ocorrer muito raramente casos de hipersensibilidade ao TINSET, choque anafiláctico, reacção anafiláctica ou reacções anafilactoides. Se apresentar sinais, tais como erupções na pele, comichão, dificuldade em respirar, face inchada ou sensação de desmaio

enquanto estiver a tomar TINSET, deverá interromper o medicamento e consultar o seu médico imediatamente. Pode surgir muito raramente necrólise epidérmica tóxica, síndrome de Stevens-Johnson, erupção cutânea tóxica, eritema multiforme, eritema, urticária, prurído, aumento da sensibilidade da pele à luz, erupção provocada pelo fármaco, hiperidrose ou exantema eritematoso.
Doenças do metabolismo e da nutrição: muito raramente pode ocorrer anorexia. Perturbações do foro psiquiátrico: podem surgir muito raramente alucinações, agitação, excitabilidade, apatia, estado confusional, insónia, irritabilidade, nervosismo, pesadelos, sensação de cansaço, alterações do sono, agressividade.
Doenças do sistema nervoso: podem surgir muito raramente convulsões, diminuição do estado de consciência, sedação, sonolência, torpor, letargia, sensação de formigueiro, alterações do movimento com movimentos involuntários, diminuição ou aumento involuntário do tónus muscular, tremor, tonturas, cefaleias, perturbação da atenção, opistótono.
Afecções oculares: podem surgir muito raramente rotação involuntária dos olhos, visão turva, olhar fixo, dilatação das pupilas, diplopia.
Afecções do ouvido e do labirinto: podem surgir muito raramente zumbidos nos ouvidos, vertigens, dificuldade em ouvir.
Doenças respiratórias, torácicas e do mediastino: podem surgir muito raramente falta de ar, broncospasmo, secura nasal.
Doenças gastrointestinais: podem surgir muito raramente, após as refeições, episódios em que a comida volta à garganta, vómitos, perturbações da digestão, náuseas, cólicas, diarreia, ou prisão de ventre.
Afecções hepatobiliares: pode ocorrer muito raramente insuficiência hepática fatal, hepatite fulminate, hepatite colestática, hepatite, lesão hepatocelular, hepatotoxicidade, icterícia colestática, icterícia, colestase, função hepática anormal, esteatose hepática. Estas alterações na função hepática podem detectar-se por surgir urina de cor castanho-escuro, fezes claras, pele ou olhos amarelados. Nestes casos, deverá interromper o tratamento com TINSET e consultar imediatamente o seu médico, que poderá decidir realizar uma análise ao fígado.
Cardiopatias e vasculopatias: podem surgir muito raramente alteração dos batimentos e do ritmo do coração, fibrilhação ventricular, torsades de pointes, pressão arterial baixa, choque e rubor. Se sentir aumento dos batimentos cardíacos, informe o seu médico imediatamente.
Doenças renais e urinárias: podem surgir muito raramente aumento nos intervalos de micção, dor ao urinar.
Doenças dos órgãos genitais e da mama: podem surgir muito raramente aumento do volume do peito e corrimento de leite.
Perturbações gerais: muito raramente pode ocorrer sensação de cansaço, mal-estar, desconforto no peito, febre, arrepios, edema e alterações da marcha.
Por vezes podem aparecer os seguintes efeitos indesejáveis: boca seca, tonturas e fraqueza muscular. Se estes efeitos não desaparecerem espontaneamente, é possível que não esteja a tolerar o medicamento. Deverá consultar o seu médico para clarificar a situação.

Excepcionalmente, os lactentes e as crianças, especialmente aquelas com menos de 24 meses de idade, poderão experimentar uma postura anormal ou movimentos incontrolados. Se tal ocorrer interrompa o tratamento com TINSET e consulte o seu médico. Estes efeitos, geralmente, passam ao fim de 24 horas.
Exames complementares de diagnóstico: alterações no electrocardiograma e nos testes da função hepática, aumento plasmático das enzimas hepáticas e de outras enzimas.

Como deve ser guardado?

Manter fora do alcance e da vista das crianças.
Não conservar acima de 30ºC.
Não utilize TINSET após o prazo de validade impresso no rótulo ou embalagem exterior, após VAL.. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado. Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

Mais informações

Qual a composição de TINSET
A substância activa é a oxatomida.
Os outros componentes de TINSET comprimidos são: Lactose mono-hidratada, amido de milho, celulose microcristalina, amido de batata modificado, povidona, polissorbato, estearato de magnésio, sílica coloidal anidra.
Os outros componentes de TINSET suspensão oral são: Solução de sorbitol 70%, hipromelose 2910 (5 cps), celulose microcristalina e croscarmelose sódica, polissorbato 20, metilparabeno (E 218), propilparabeno (E 216), essência ?cassis?, sacarina sódica, hidróxido de sódio e água purificada.

Qual o aspecto de TINSET e conteúdo da embalagem
Comprimidos - Comprimido branco, circular, biconvexo, com uma ranhura central e a inscrição "Janssen" numa face e a inscrição "Ox/30" na outra. Embalagens de 20 comprimidos.
Suspensão oral - Cada frasco é acompanhado de uma pipeta e contém suspensão branca a cinzenta, homogénea.
Embalagens de 100 ml e 200 ml.
É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante
Titular da Autorização de Introdução no Mercado:
JANSSEN-CILAG FARMACÊUTICA, LDA.
Estrada Consiglieri Pedroso, 69 A - Queluz de Baixo- 2734-503 Barcarena Tel: 21 436 8835

Fabricante:

Lusomedicamenta Sociedade Técnica Farmacêutica, SA
Estrada Consiglieri Pedroso 69B
Queluz de Baixo
2730-055 Barcarena
Portugal

Este folheto foi aprovado pela última vez em

JANSSEN-CILAG
JANSSEN-CILAG FARMACÊUTICA, LDA.
______________________________________________________________

Substância(s) Oxatomida
Admissão Portugal
Produtor Janssen-Cilag Farmacêutica, Lda.
Narcótica Não
Grupo farmacológico Anti-histamínicos para uso sistémico

Partilhar

O seu assistente pessoal de medicamentos

afgis-Qualitätslogo mit Ablauf Jahr/Monat: Mit einem Klick auf das Logo öffnet sich ein neues Bildschirmfenster mit Informationen über Medikamio GmbH & Co KG und sein/ihr Internet-Angebot: medikamio.com/ This website is certified by Health On the Net Foundation. Click to verify.
Medicamentos

Pesquise aqui a nossa extensa base de dados de medicamentos de A-Z, com efeitos e ingredientes.

Substâncias

Todas as substâncias activas com a sua aplicação, composição química e medicamentos em que estão contidas.

Doenças

Causas, sintomas e opções de tratamento para doenças e lesões comuns.

O conteúdo apresentado não substitui a bula original do medicamento, especialmente no que diz respeito à dosagem e efeito dos produtos individuais. Não podemos assumir qualquer responsabilidade pela exactidão dos dados, uma vez que os dados foram parcialmente convertidos automaticamente. Um médico deve ser sempre consultado para diagnósticos e outras questões de saúde. Mais informações sobre este tópico podem ser encontradas aqui.