Ambroxol Cinfa 3 mg/ml Xarope

Código ATC
R05CB06
Ambroxol Cinfa 3 mg/ml Xarope

Cinfa Portugal, Lda.

Substância(s)
Ambroxol
Narcótica
Não
Grupo farmacológico Expectorantes, exceto combinações com supressores da tosse

Anúncio

Tudo para saber

Titular da autorização

Cinfa Portugal, Lda.

O que é e como se utiliza?

Não tome Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope:
Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xaropeestá contra-indicado nos indivíduos com uma hipersensibilidade conhecida ao ambroxol, ou a outros excipientes, bem como a doentes com úlcera gastroduodenal.

Tome especial cuidado com Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope:

Em doentes com insuficiência renal ou doença hepática grave, o Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xaropesó deve ser usado com precauções especiais (i.e. maior intervalo entre as administrações ou redução das doses). Nestas situações consulte o seu médico antes de tomar Ambroxol Cinfa 3mg/ml xarope

Em caso de doenças raras dos brônquios associadas a excessiva acumulação de secreções (p.ex., sindroma ciliar maligno), o Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope só deve ser usado sob vigilância médica, devido a um efeito potencial de congestão de secreções.

O uso do mucolítico implica uma diminuição da viscosidade e a remoção do muco, tanto através da actividade ciliar do epitélio, quer pelo reflexo da tosse, sendo portanto de esperar um aumento do fluxo das secreções com expectoração e tosse.

Os mucolíticos como têm a capacidade de destruir a barreira mucosa gástrica deverão ser utilizados com precaução em indivíduos com antecedentes de úlcera péptica.

Aconselha-se uma administração igualmente cuidadosa aos doentes asmáticos.

Não utilizar o xarope se este se tornar turvo.

Este medicamento contém:
?1 Sorbitol: este medicamento contém 2,25 g de sorbitol por 5 ml. Não deve utilizar-se em doentes com intolerância hereditária à fructose. Pode provocar dores de estômago e diarreia.
?2 Glicerol: pode ser prejudicial em doses elevadas. Pode provocar dor de cabeça, dor de estômago e diarreia.
Este medicamento deve ser tomado sempre sob a indicação do seu médico.

Gravidez e aleitamento

Não há experiência suficiente com o uso de Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope durante a gravidez e a lactação. Portanto, o Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope não deve ser usado durante a gravidez e a lactação a menos que o médico julgue que a administração do medicamento é absolutamente necessária.

Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Utilização em crianças

A dose recomendada para crianças encontra-se indicada na secção posologia.

Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope pode ser administrado a crianças com menos de 2 anos de idade, mas apenas sob vigilância médica.

Condução de veículos e utilização de máquinas:

Não há considerações especiais a fazer.

Tomar Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope com outros medicamentos:

Informe o seu médico ou farmacêutico, caso esteja a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos sem receita médica.

A administração simultânea de Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope com antitússicos pode provocar uma perigosa congestão de secreções devido a alterações do reflexo da tosse, pelo que é necessário fazer um diagnóstico preciso antes de utilizar está associação medicamentosa.

A administração simultânea de Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope e de antibióticos (amoxicilina, cefuroxima eritromicina e doxicilina), pode potenciar a penetração dos antibióticos no tecido pulmonar.

Em caso de dúvida, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Anúncio

O que se deve tomar em consideração antes de utilizá-lo?

Deve tomar Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope sempre de acordo com as instruções do seu médico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas. A dose habitual é:

Posologia adultos e crianças com mais de 12 anos:

Dum modo geral, duas colheres de chá com 10 ml de solução três vezes por dia durante os primeiros 2 ou 3 dias (correspondendo a 90 mg de cloridrato de ambroxol/dia), e em seguida duas colheres de chá com 10 ml de solução duas vezes por dia (correspondendo a 60 mg de cloridrato de ambroxol/dia).

Posologia na criança:
Crianças com menos de 2 anos de idade:

Tomar ½ colher de chá com 2,5 ml de solução duas vezes por dia (correspondendo a 15 mg de cloridrato de ambroxol/dia).
Crianças dos 2 aos 5 anos:

Tomar ½ colher de chá (2,5 ml de solução) três vezes por dia, correspondendo a 22,5 mg de cloridrato de ambroxol/dia.
Crianças dos 6 aos 12 anos:

Tomar uma colher de chá com 5 ml de solução duas a três vezes por dia (correspondendo a 30 ou 45 mg de cloridrato de ambroxol/dia).

Posologia no idoso

Ambroxol Cinfa 3 mg / ml é apropriado para a utilização no idoso. Recomenda-se precaução em caso de existência de doença ulcerosa péptica (ver. 4.3 Contra-indicações e ver 4.43 Advertências e precauções especiais de utilização ).

Nota: é de esperar um aumento do fluxo das secreções, consequentemente aumento da expectoração e tosse.

Instruções para a administração correcta do medicamento:

A administração realiza-se por via oral.

O médico assistente decidirá em cada caso sobre a duração da administração dependendo da indicação e da gravidade da doença.

Sem prescrição médica, Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xaropenão deve ser tomado durante mais do que 4 a 5 dias.

Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope deve ser tomado após as refeições, usando uma colher de chá.

O efeito mucolítico do Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope é favorecido pela ingestão de líquidos.

Se tomar mais Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope:


Sintomas de sobredosagem:

Em casos de sobredosagem extrema acidental ou intencional pode haver um efeito irritativo local na garganta, ou surgirem dores no estômago, náuseas, vómitos e diarreia.

Terapêutica da sobredosagem:

Uma primeira medida apropriada é induzir o vómito e beber líquidos (chá, água).

Consulte um médico. Pode ser necessário fazer a remoção de quantidades extremamente elevadas de cloridrato de ambroxol do estômago (por meio de lavagem gástrica efectuada 1 a 2 horas após a sobredosagem) e vigilância da função cardiovascular.

Em caso de ocorrência de sobredosagem, deve recorrer ao médico ou chamar ao Centro de Informação Anti-Venenos (Telef 808 250 143). Leve este folheto consigo.

Caso se tenha esquecido de tomar Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope

Se se esquecer de tomar o Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope ou se tiver tomdo uma dose demasiado pequena, continue o tratamento com o Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope na toma seguinte que estiver prevista no esquema posológico.

Como é utilizado?

Como os demais medicamentos, Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xaropepode ter efeitos secundários.

Em casos raros, podem ocorrer queixas gástricas (p.ex. náuseas e dores epigástricas), assim como reacções alérgicas (p.ex. eritema, edema da face, prurido, dispneia, febre e arrepios).

Além disso, foram referidos casos raros de secura da boca e das vias respiratórias, sialorreia, rinorreia, obstipação e disúria, após a administração de ambroxol.

Em casos esporádicos, foi referida a ocorrência de reacções de hipersensibilidade, graves e súbitas (choque anafiláctico), em doentes predispostos. Está também descrito um caso de dermatite de contacto alérgica.

Medidas a tomar no caso de ocorrerem efeitos secundários:

Não se deve voltar a tomar o Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xaropeaos primeiros sinais de uma reacção de hipersensibilidade.

Deve informar o médico assistente para que ele possa decidir sobre a gravidade dos efeitos secundários e a necessidade de instituir medidas adicionais. No caso de uma reacção de hipersensibilidade grave (choque anafiláctico) deve consultar imediatamente um médico.

Caso detecte efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Quais são os possíveis efeitos secundários?

Conservar em local seco não acima de 25ºC.

Os medicamentos devem ser guardados com cuidado.

Não utilize Ambroxol Cinfa 3 mg/ ml xarope mg após expirar o prazo de validade indicado no material de acondicionamento.

MANTER FORA DO ALCANCE E DA VISTA DAS CRIANÇAS

MEDICAMENTO SUJEITO A RECEITA MÉDICA

O seu assistente pessoal de medicamentos

Medicamentos

Pesquise aqui a nossa extensa base de dados de medicamentos de A-Z, com efeitos e ingredientes.

Substâncias

Todas as substâncias activas com a sua aplicação, composição química e medicamentos em que estão contidas.

Doenças

Causas, sintomas e opções de tratamento para doenças e lesões comuns.

O conteúdo apresentado não substitui a bula original do medicamento, especialmente no que diz respeito à dosagem e efeito dos produtos individuais. Não podemos assumir qualquer responsabilidade pela exactidão dos dados, uma vez que os dados foram parcialmente convertidos automaticamente. Um médico deve ser sempre consultado para diagnósticos e outras questões de saúde. Mais informações sobre este tópico podem ser encontradas aqui.

This website is certified by Health On the Net Foundation. Click to verify.