Fosaprepitant Farmoz

Código ATC
A04AD12
Fosaprepitant Farmoz

Farmoz - Sociedade Técnico Medicinal

Medicamentos padrão Humano
Narcótica
Não
Data de aprovação 27.02.2021
Grupo farmacológico Antieméticos e antinausentes

Anúncio

Tudo para saber

Titular da autorização

Farmoz - Sociedade Técnico Medicinal

O que é e como se utiliza?

Fosaprepitant Farmoz contém a substância ativa fosaprepitant que é convertida em aprepitant no seu corpo. Pertence ao grupo de medicamentos denominado "antagonistas do recetor da neuroquinina 1 (NK1)”. O cérebro tem uma zona específica que controla as náuseas e o vómito. Fosaprepitant Farmoz atua bloqueando os sinais para essa zona, reduzindo deste modo náuseas e vómito. Fosaprepitant Farmoz é utilizado em adultos, adolescentes e crianças com idade igual ou superior a 6 meses em associação com outros medicamentos para prevenir as náuseas e o vómito causados pela quimioterapia (tratamento do cancro) que é um forte ou moderado indutor de náuseas e vómito.

Anúncio

O que se deve tomar em consideração antes de utilizá-lo?

Não utilize Fosaprepitant Farmoz

- se tem alergia ao fosaprepitant, aprepitant, ao polissorbato 80 ou a qualquer outro componente deste medicamento (indicados na secção 6).

- com medicamentos contendo pimozida (usada para tratar doenças psiquiátricas), terfenadina e astemizol (usados para tratar a febre dos fenos e outras doenças alérgicas), cisaprida (usada para problemas digestivos). Informe o seu médico se está a tomar estes medicamentos, pois esse tratamento deverá ser modificado antes de começar a utilizar Fosaprepitant Farmoz.

Advertências e precauções

Fale com o seu médico, farmacêutico ou enfermeiro antes de utilizar Fosaprepitant Farmoz.

Antes do tratamento com este medicamento fale com o seu médico se tiver doença do fígado, uma vez que o seu fígado é importante na transformação do medicamento no corpo. O seu médico pode, por isso, ter de monitorizar o estado do seu fígado.

Crianças e adolescentes

Não dê Fosaprepitant Farmoz a crianças com menos de 6 meses de idade ou que pesem menos de 6 kg, pois este medicamento não foi estudado nesta população.

27-02-2021 INFARMED

Outros medicamentos e Fosaprepitant Farmoz

Fosaprepitant Farmoz pode afetar outros medicamentos durante e após o tratamento com Fosaprepitant Farmoz. Há alguns medicamentos que não devem ser tomados com Fosaprepitant Farmoz (como pimozida, terfenadina, astemizol, e cisaprida), ou que necessitam de um acerto da dose (ver também Não utilize Fosaprepitant Farmoz).

Os efeitos de Fosaprepitant Farmoz ou de outros medicamentos podem ser influenciados se tomar Fosaprepitant Farmoz com outros medicamentos incluindo os listados a seguir. Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar algum dos seguintes medicamentos:

  • medicamentos contracetivos, que podem incluir pílulas contracetivas, adesivos transdérmicos, implantes e alguns dispositivos intrauterinos (DIUs) que libertam hormonas, podem não atuar de forma adequada quando tomados em conjunto com Fosaprepitant Farmoz. Deverá ser usado outro método de contraceção não hormonal ou um método adicional durante o tratamento com Fosaprepitant Farmoz e durante 2 meses após a utilização de Fosaprepitant Farmoz,
  • ciclosporina, tacrolímus, sirolímus, everolímus (imunossupressores),
  • alfentanilo, fentanilo (usados para tratar a dor),
  • quinidina (usada para tratar irregularidades no ritmo cardíaco),
  • irinotecano, etoposido, vinorelbina, ifosfamida (medicamentos usados no tratamento de cancro)
  • medicamentos contendo alcaloides derivados da cravagem do centeio, tais como ergotamina e diergotamina (usados no tratamento das enxaquecas),
  • varfarina, acenocumarol (medicamento diluem o sangue [anticoagulantes]; podem ser necessárias análises sanguíneas)
  • rifampicina, claritromicina, telitromicina (antibióticos utilizados para tratar infeções),
  • fenitoína (usado no tratamento de convulsões),
  • carbamazepina (usada no tratamento da depressão e da epilepsia);
  • midazolam, triazolam, fenobarbital (medicamentos que acalmam ou ajudam a dormir),
  • preparações de plantas medicinais contendo hipericão (usadas no tratamento da depressão),

-inibidores da protease (usados no tratamento da infeção pelo VIH),

-cetoconazol, exceto champô (utilizado para tratar o síndrome de Cushing – quando o corpo produz um excesso de cortisol),

- itraconazol, voriconazol, posaconazol (antifúngicos), -nefazodona (usada para tratar a depressão),

- diltiazem (medicamento usado no tratamento da hipertensão) - corticosteroides (como a dexametasona)

-medicamentos para a ansiedade (como o alprazolam),

- tolbutamida (um medicamento usado para tratar a diabetes).

Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar, tiver tomado recentemente, ou se vier a tomar outros medicamentos ou medicamentos à base de plantas.

Gravidez e amamentação

Este medicamento não deve ser utilizado durante a gravidez a menos que seja manifestamente necessário. Se está grávida ou a amamentar, se pode estar grávida ou planeia engravidar, consulte o seu médico antes de tomar este medicamento.

Para informações sobre contraceção, ver Outros medicamentos e Fosaprepitant Farmoz.

Desconhece-se se Fosaprepitant Farmoz é excretado no leite humano; por isso, não se recomenda a amamentação durante o tratamento com este medicamento. É importante dizer ao seu médico se está a amamentar ou se está a planear amamentar antes de utilizar este medicamento.

Condução de veículos e utilização de máquinas

Deve ter-se em consideração que algumas pessoas sentem tonturas ou sonolência após usar Fosaprepitant Farmoz. Se sentir tonturas ou sonolência, não deve conduzir ou utilizar máquinas após utilizar este medicamento (ver Efeitos indesejáveis possíveis).

27-02-2021 INFARMED

Fosaprepitant Farmoz contém sódio.

Este medicamento contém menos de 1 mmol de sódio (23 mg) por dose, ou seja, é praticamente "isento de sódio".

3. Como utilizar Fosaprepitant Farmoz

Em adultos (18 anos de idade e mais velhos), a dose recomendada de Fosaprepitant Farmoz é 150 mg de fosaprepitant no Dia 1 (dia da quimioterapia).

Em crianças e adolescentes (dos 6 meses aos 17 anos de idade), a dose recomendada de Fosaprepitant Farmoz é baseada na idade e peso do doente. Dependendo do tratamento de quimioterapia, Fosaprepitant Farmoz pode ser dado de duas formas:

Fosaprepitant Farmoz é dado apenas no Dia 1 (dia único de quimioterapia)

Fosaprepitant Farmoz é dado no Dia 1, 2 e 3 (dia único ou múltiplos dias de quimioterapia)

- As formulações orais de aprepitant podem ser prescritas nos Dias 2 e 3 em vez de Fosaprepitant Farmoz.

O pó é reconstituído e diluído antes da utilização. A solução para perfusão é administrada por um profissional de saúde, como um médico ou um enfermeiro, por perfusão intravenosa (gota a gota), aproximadamente 30 minutos antes do início do tratamento de quimioterapia em adultos ou 60 –

90 minutos antes de iniciar o tratamento de quimioterapia em crianças e adolescentes. O seu médico pode pedir-lhe que tome outros medicamentos para prevenir as náuseas e vómito, incluindo um corticosteroide (como a dexametasona) e um antagonista da 5HT-3 (como o ondansetrom). Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

Quais são os possíveis efeitos secundários?

Como todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos indesejáveis, embora estes não se manifestem em todas as pessoas.

Pare de tomar Fosaprepitant Farmoz e consulte imediatamente um médico se sentir algum dos seguintes efeitos adversos, que podem ser graves e para os quais pode precisar de tratamento médico urgente:

- urticária, erupção cutânea (na pele), comichão, dificuldade a respirar ou engolir ou uma diminuição grave da tensão arterial (frequência desconhecida, não é possível determinar a partir da informação disponível); estes são sinais de reação alérgica grave.

- Reações no local de perfusão (RLP) ou próximo do local de perfusão. As RLP mais graves ocorreram com um certo tipo de medicamento de quimioterapia que pode queimar ou provocar bolhas na pele (vesicante) com efeitos indesejáveis, incluindo dor, inchaço e vermelhidão. Ocorreu morte de tecido cutâneo (necrose) em algumas pessoas a tomar este tipo de medicamento de quimioterapia.

Outros efeitos indesejáveis que foram comunicados encontram-se listados em baixo:

Efeitos indesejáveis frequentes (podem afetar até 1 em 10 pessoas) são: - obstipação (prisão de ventre), indigestão,

- dor de cabeça, - cansaço,

- perda de apetite, - soluços,

- aumento dos valores dos testes sanguíneos ao fígado no seu sangue.

Efeitos indesejáveis pouco frequentes (podem afetar até 1 em 100 pessoas) são: - tonturas, insónia,

- acne, erupção cutânea, - ansiedade,

- arroto, náuseas, vómitos, azia, dor no estômago, boca seca, libertação de gases intestinais, aumento da frequência do ato de urinar com dor ou ardor,

- fraqueza, sensação geral de mal-estar,

- vermelhidão na face/pele, afrontamentos

- pulsação rápida ou irregular, aumento da tensão arterial,

27-02-2021 INFARMED

  • febre com risco aumentado de infeção, diminuição dos glóbulos vermelhos,
  • dor no local de perfusão, vermelhidão no local de perfusão, comichão no local de perfusão, inflamação da veia no local de perfusão.

Efeitos indesejáveis raros (podem afetar até 1 em 1.000 pessoas) são:

  • dificuldade em pensar, falta de energia, distúrbios no paladar,
  • sensibilidade da pele ao sol, transpiração excessiva, pele oleosa, irritação na pele, erupção cutânea com comichão, síndrome de Stevens-Johnson/necrólise epidérmica tóxica (reação grave rara na pele),
  • euforia (sensação de felicidade extrema), desorientação,
  • infeção bacteriana, infeção fúngica,
  • prisão de ventre grave, úlcera no estômago, inflamação do intestino delgado e cólon, úlceras na boca, flatulência,
  • aumento da frequência do ato de urinar, aumento do volume da urina, presença de açúcar ou sangue na urina,
  • desconforto no peito, inchaço, alteração na forma de andar,
  • tosse, presença de muco na região posterior da garganta, irritação na garganta, espirros, garganta irritada,
  • secreções e comichão nos olhos,
  • zumbidos nos ouvidos,
  • cãibras musculares, fraqueza muscular,
  • sede excessiva,
  • pulsação lenta, doença do coração ou dos vasos sanguíneos,
  • diminuição dos glóbulos brancos, diminuição dos níveis de sódio no sangue, perda de peso,
  • endurecimento no local da perfusão.

Comunicação de efeitos indesejáveis

Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicados neste folheto, fale com o seu médico, farmacêutico ou enfermeiro. Também poderá comunicar efeitos secundários diretamente ao INFARMED, I.F.. Ao comunicar efeitos secundários, estará a ajudar a fornecer mais informações sobre a segurança deste medicamento.

Sítio da internet: http://www.infarmed.pt/web/infarmed/submissaoram (preferencialmente) ou através dos seguintes contactos:

Direção de Gestão do Risco de Medicamentos Parque da Saúde de Lisboa, Av. Brasil 53 1749-004 Lisboa

Tel: +351 21 798 73 73

Linha do Medicamento: 800222444 (gratuita)

E-mail: farmacovigilancia@infarmed.pt

Como deve ser guardado?

Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.

Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso na embalagem e no frasco para injetáveis após “VAL”. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Conservar no frigorífico (2ºC – 8ºC).

A solução reconstituída e diluída é estável durante 24 horas a 25ºC.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão a proteger o ambiente.

Mais informações

27-02-2021 INFARMED

  • A substância ativa é o fosaprepitant. Cada frasco para injetáveis contém fosaprepitant dimeglumina equivalente a 150 mg de fosaprepitant. Após reconstituição e diluição, 1 ml de solução contém 1 mg de fosaprepitant (1 mg/ml).
  • Os outros componentes são: edetato dissódico, polissorbato 80, lactose anidra, hidróxido de sódio (para ajuste do pH) e/ou ácido clorídrico diluído (para ajuste do pH).

Qual o aspeto de Fosaprepitant Farmoz e conteúdo da embalagem

Fosaprepitant Farmoz é um pó para solução para perfusão branco a esbranquiçado.

O pó está num frasco para injetáveis transparente de vidro, com uma rolha de borracha e com um selo em alumínio com uma cápsula de abertura fácil de plástico.

Cada frasco para injetáveis contém 150 mg de fosaprepitant. Dimensão das embalagens: 1 ou 10 frascos para injetáveis.

É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante Titular da Autorização de Introdução no Mercado

Farmoz - Sociedade Técnico Medicinal, S.A. Rua da Tapada Grande, nº 2, Abrunheira 2710-089 Sintra

Portugal

Fabricante

Sofarimex – Indústria Química e Farmacêutica, S.A. Av. das Indústrias, Alto do Colaride,

2735-213 Cacém Portugal

Este folheto foi revisto pela última vez em { MM/AAAA}

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A informação que se segue destina-se apenas aos profissionais de saúde:

Instruções para a reconstituição e diluição de Fosaprepitant Farmoz 150 mg:

  1. Injetar 5 ml de solução para injetáveis de cloreto de sódio 9 mg/ml (0,9 %) para dentro do frasco para injetáveis. Assegurar que a solução para injetáveis de cloreto de sódio 9 mg/ml (0,9 %) é adicionada ao longo da parede do frasco para injetáveis para evitar a formação de espuma. Agitar o frasco para injetáveis cuidadosamente. Evitar agitar e fazer um jato de solução para injetáveis de cloreto de sódio 9 mg/ml (0,9 %) para dentro do frasco para injetáveis.
  2. Preparar um saco para perfusão com 145 ml de solução para injetáveis de cloreto de sódio 9 mg/ml (0,9 %) (por exemplo, retirando 105 ml de solução para injetáveis de cloreto de sódio 9 mg/ml (0,9 %) de um saco para perfusão de 250 ml de solução para injetáveis de cloreto de sódio 9 mg/ml (0,9 %)).
  3. Retirar o volume total do frasco para injetáveis e transferi-lo para um saco de perfusão contendo 145 ml de solução para injetáveis de cloreto de sódio 9 mg/ml (0,9 %) para obter um volume total de 150 ml e concentração final de 1mg/ml. Inverter o saco cuidadosamente 2 a 3 vezes (ver Como utilizar Fosaprepitant Farmoz).
  4. Calcular o volume a ser administrado a partir deste saco de perfusão preparado, com base na dose recomendada (ver Resumo das Características do Medicamento (RCM), secção 4.2).

Adultos

Deve ser administrado o volume total do saco de perfusão preparado (150 ml).

27-02-2021 INFARMED

Pediatria

Em doentes com 12 anos ou mais, o volume a ser administrado é calculado da seguinte forma: - Volume a administrar (ml) equivale à dose recomendada (mg)

Em doentes dos 6 meses a menos de 12 anos, o volume a ser administrado é calculado da seguinte forma:

- Volume a administrar (ml) = dose recomendada (mg/kg) x peso (kg)

Nota: Não exceder as doses máximas (ver Resumo das Características do Medicamento (RCM), secção 4.2).

5. Se necessário, para volumes inferiores a 150 ml, o volume calculado pode ser transferido para um saco com tamanho apropriado ou seringa antes da administração por perfusão.

A solução final reconstituída e diluída é estável durante 24 horas a 25ºC.

Os medicamentos para administração parentérica devem ser inspecionados visualmente para deteção de partículas e descoloração antes de serem administrados.

O aspeto da solução reconstituída é o mesmo da do solvente.

Rejeite qualquer resto de solução e resíduos. Qualquer medicamento não utilizado ou resíduos devem ser eliminados de acordo com as exigências locais.

O medicamento não pode ser reconstituído ou misturado com soluções para as quais não se tenha estabelecido a compatibilidade física e química (ver Resumo das Características do Medicamento (RCM), secção 6.2).

Última actualização: 27.06.2022

Fonte: Fosaprepitant Farmoz - Inserção da embalagem

O seu assistente pessoal de medicamentos

Medicamentos

Pesquise aqui a nossa extensa base de dados de medicamentos de A-Z, com efeitos e ingredientes.

Substâncias

Todas as substâncias activas com a sua aplicação, composição química e medicamentos em que estão contidas.

Doenças

Causas, sintomas e opções de tratamento para doenças e lesões comuns.

O conteúdo apresentado não substitui a bula original do medicamento, especialmente no que diz respeito à dosagem e efeito dos produtos individuais. Não podemos assumir qualquer responsabilidade pela exactidão dos dados, uma vez que os dados foram parcialmente convertidos automaticamente. Um médico deve ser sempre consultado para diagnósticos e outras questões de saúde. Mais informações sobre este tópico podem ser encontradas aqui.

This website is certified by Health On the Net Foundation. Click to verify.