Tansulosina arrowblue 0,4 mg Cápsulas de libertação prolongada

Código ATC
G04CA02
Tansulosina arrowblue 0,4 mg Cápsulas de libertação prolongada

Arrowblue Produtos Farmacêuticos S.A.

Substância(s)
Tamsulosina
Narcótica
Não
Grupo farmacológico Medicamentos utilizados na hipertrofia prostática benigna

Anúncio

Tudo para saber

Titular da autorização

Arrowblue Produtos Farmacêuticos S.A.

O que é e como se utiliza?

Tansulosina arrowblue é utilizado para tratar os sintomas de uma próstata aumentada ? uma doença tecnicamente conhecida por hiperplasia benigna da próstata ou HBP. Se a glândula ficar aumentada, pode apertar a uretra, interferindo com o fluxo de urina. Isto pode causar dificuldade em começar a urinar, um fluxo fraco de urina e a necessidade de urinar com urgência ou com maior frequência. Tansulosina arrowblue não faz encolher a próstata. Em vez disso, relaxa o músculo à sua volta, libertando o fluxo de urina e diminuindo os sintomas urinários.

Anúncio

O que se deve tomar em consideração antes de utilizá-lo?

Não tome Tansulosina arrowblue

  • Se tem alergia (hipersensibilidade) ao cloridrato de tansulosina ou a qualquer outro componente de Tansulosina arrowblue.
  • Se tem insuficiência hepática grave.
  • Se sente tonturas quando se levanta.

Tome especial cuidado com Tansulosina arrowblue
Antes de iniciar o tratamento deve informar o seu médico se sofre de qualquer outra doença, em particular, doenças dos rins ou do fígado, do coração e doenças do sistema circulatório.

Se for submetido a uma cirurgia aos olhos devido a opacidade do cristalino (cataratas), por favor informe o seu oftalmologista de que está a tomar ou tomou previamente Tansulosina arrowblue; isto porque Tansulosina arrowblue pode causar complicações durante a cirurgia. O oftalmologista pode assim tomar as precauções apropriadas no que respeita a medicação e técnicas cirúrgicas a empregar. Fale com o seu médico para saber se deve adiar ou interromper temporariamente a toma do medicamento se for submetido a uma cirurgia aos olhos devido a cataratas.

Ao tomar Tansulosina arrowblue com outros medicamentos
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Certos medicamentos (por ex., medicamentos que previnem a formação de coágulos de sangue chamados anticoagulantes, medicamentos anti-inflamatórios como o diclofenac) podem influenciar os efeitos de tansulosina. Por conseguinte, só pode tomar medicamentos concomitantemente com Tansulosina arrowblue se o seu médico permitir.

Gravidez e aleitamento
Tansulosina arrowblue destina-se apenas ao tratamento de doentes do sexo masculino.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Tansulosina arrowblue pode afectar de forma adversa a sua capacidade de conduzir e utilizar máquinas. Deve ter-se em consideração que em alguns doentes poderão ocorrer tonturas.

Como é utilizado?

Tome Tansulosina arrowblue sempre de acordo com as indicações do médico. Fale com o seu médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

Salvo prescrição contrária pelo seu médico, a dose habitual é de uma cápsula por dia tomada depois do pequeno-almoço ou da primeira refeição do dia.

A cápsula não deve ser esmagada nem mastigada, deve ser engolida inteira.

Utilização em crianças
A segurança e a eficácia de tansulosina em crianças com menos de 18 anos não foram ainda estabelecidas.

Se tomar mais Tansulosina arrowblue do que deveria
Contacte o seu médico ou dirija-se às urgências do hospital mais próximo, pois as consequências de uma sobredosagem acidental ou deliberada podem exigir intervenção médica.

Caso se tenha esquecido de tomar Tansulosina arrowblue

Tome a cápsula em falta no mesmo dia. Contudo, no dia seguinte não tome uma dose a dobrar; apenas retome o tratamento com uma cápsula por dia.

Se parar de tomar Tansulosina arrowblue
Não deve parar de tomar o medicamento sem primeiro consultar o seu médico.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico ou farmacêutico.

Quais são os possíveis efeitos secundários?

Como todos os medicamentos, Tansulosina arrowblue pode causar efeitos secundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas. Não fique alarmado com a lista de efeitos secundários possíveis, pode não ter nenhum. A maior parte dos doentes não notam quaisquer efeitos secundários. Contudo, se notar algum e se o mesmo o incomodar, fale com o seu médico.

Se começar a sentir-se zonzo ou com tonturas, sente-se ou deite-se até se sentir melhor.

Frequentes (afectam 1 a 10 utilizadores em 100):
tonturas, especialmente ao levantar-se da posição sentada ou deitada
ejaculação anormal chamada ejaculação retrógrada (ejaculação para dentro da bexiga)

Pouco frequentes (afectam 1 a 10 utilizadores em 1000):
dores de cabeça
batimentos cardíacos acelerados
descida da pressão arterial, especialmente ao pôr-se de pé
nariz tapado ou com corrimento
obstipação
diarreia
náuseas
vómitos
reacções na pele
comichão
fraqueza

Raros (afectam 1 a 10 utilizadores em 10 000):
desmaios
inchaço das camadas inferiores da pele, geralmente em redor da boca ou da mucosa da boca ou da garganta, o qual pode surgir muito rapidamente

Muito raros (afectam menos de 1 utilizador em 10.000):
priapismo (erecção do pénis dolorosa, persistente e involuntária), em cujo caso é necessário intervenção médica imediata
erupção inflamatória grave da pele e das membranas mucosas chamada síndrome de

Stevens-Johnson, que é uma reacção alérgica a medicamentos e a outras substâncias

Se vai ser submetido a uma cirurgia aos olhos devido a cataratas e está a tomar ou tomou previamente cloridrato de tansulosina, as suas pupilas podem dilatar-se menos e a íris (a parte circular colorida do seu olho) pode tornar-se flácida durante a intervenção (ver também a secção 2 ?Tomar especial cuidado com Tansulosina arrowblue?).

Para além dos acontecimentos adversos listados acima, foram referidos
contracções descoordenadas muito rápidas do coração
ritmo irregular do batimento cardíaco
frequência cardíaca anormalmente acelerada e
dificuldade em respirar
como estando associados à utilização de Tansulosina arrowblue. Dado que estes acontecimentos de notificação espontânea advêm da experiência após a comercialização a nível mundial, não se pode determinar com fiabilidade a frequência dos acontecimentos e

  • papel de Tansulosina arrowblue na sua causalidade.

Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Como deve ser guardado?

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Conservar na embalagem de origem para proteger da luz.

Não utilize Tansulosina arrowblue após o prazo de validade impresso na embalagem exterior, após VAL. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita. Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.

Mais informações

Qual a composição de Tansulosina arrowblue
A substância activa é o cloridrato de tansulosina. Cada cápsula contém 0,4 miligramas de cloridrato de tansulosina.
Os outros ingredientes são celulose microcristalina (E460), copolímero de ácido metacrílico e acrilato de etilo 1:1 (incluindo polissorbato, laurilsulfato de sódio), talco, citrato de trietilo e estearato de cálcio no enchimento das cápsulas e óxido de ferro amarelo (E172), óxido de ferro preto (E172), óxido de ferro vermelho (E172), dióxido de titânio (E171), gelatina no invólucro das cápsulas.

Qual o aspecto de Tansulosina arrowblue e conteúdo da embalagem
As cápsulas são opacas, com uma parte bege e a outra castanha. Cada cápsula é cheia com grânulos brancos ou esbranquiçados.
10, 20, 30, 50, 90 e 100 cápsulas encontram-se embaladas em blisters de PVC/PVDC/Aluminio e embalagens de cartão.

É possível que nem todas as embalagens sejam comercializadas.

Titular da autorização de introdução no mercado:

Arrowblue Produtos Farmacêuticos S.A.
Av. D. João II, Torre Fernão de Magalhães, 10ºEsq.
1998-025 Lisboa
Tel: 21 896 51 05
Fax: 21 896 51 06
Mail: geral@arrowblue.pt

Fabricante:

Gedeon Richter Plc.
1103 Budapest, Gyömri út 19-21
Hungria

Este medicamento foi autorizado nos Estados Membros do EEE sob as seguintes designações Dinamarca Finlândia Alemanha Hungria Itália Tamsin, 0,4 mg, harde depotkapsler Tamsin 0,4 mg depotkapseli Tamsu-Q 0,4 mg Hartkapseln, retardiert Omsal 0,4 mg retard kemény kapszula Tamsulosina Arrow 0,4 mg capsule a rilascio prolungato Holanda Tamsin 0,4 mg, capsules met verlengde afgifte Noruega Tamsulosin Arrow 0,4 mg depotkapsel, hard Portugal Tansulosina Arrowblue 0,4 mg cápsulas de libertação prolongada Reino Unido Pamsvax XL 400 micrograms capsules

Este folheto foi aprovado pela última vez em

O seu assistente pessoal de medicamentos

Medicamentos

Pesquise aqui a nossa extensa base de dados de medicamentos de A-Z, com efeitos e ingredientes.

Substâncias

Todas as substâncias activas com a sua aplicação, composição química e medicamentos em que estão contidas.

Doenças

Causas, sintomas e opções de tratamento para doenças e lesões comuns.

O conteúdo apresentado não substitui a bula original do medicamento, especialmente no que diz respeito à dosagem e efeito dos produtos individuais. Não podemos assumir qualquer responsabilidade pela exactidão dos dados, uma vez que os dados foram parcialmente convertidos automaticamente. Um médico deve ser sempre consultado para diagnósticos e outras questões de saúde. Mais informações sobre este tópico podem ser encontradas aqui.

This website is certified by Health On the Net Foundation. Click to verify.